Tesouro escondido e romance proibido na cidade perdida de pedra

Diversidade
Tesouro escondido e romance proibido na cidade perdida de pedra

Lenda de Dhuí e Aracê Poranga fazem parte da história do Parque Vila Velha

A história do amor proibido entre Dhuí, o guerreiro da tribo Apiabas, e a bela índia Aracê Poranga é a principal lenda do Parque Vila Velha que explica a formação dos Arenitos e de Itacueretaba, nome tupi-guarani do Parque Vila Velha, que significa “cidade perdida de pedra”.

Essa história foi contada em detalhes pelo programa Estúdio C, da RPC, exibido no último dia 24 de outubro, pelo professor e pesquisador Silvestre Alves, em reportagem da jornalista Camila Barbieri. Assim, a lenda de Itacueretaba faz parte de um conjunto de lendas que contam a história dos Campos Gerais.

Vale a pena conhecer e compartilhar.

Também acesse as redes sociais do parque, Instagram e Facebook.

Veja também

12/04/2022

Parque Vila Velha teve atrações de Páscoa, que foram desde a visita do Coelho, caça aos ovos, recreação, ação solidária e Caminhada Noturna

Uma Páscoa de aventura. Essa foi a proposta do Parque Estadual de Vila Velha. (...)

05/11/2020

Visitantes do Parque Vila Velha poderão contratar guias de turismo certificados para acompanhar o passeio

Os visitantes do Parque Vila Velha poderão contratar guias de turismo treinados pela Soul (...)

14/03/2022

Parque Vila Velha retoma as visitas escolares

Turismo pedagógico agrega valor no currículo escolar Com o avanço da vacinação para as (...)